Como sair de um carro que está afundando

Ações básicas que podem salvar a sua vida

No ano passado, três jogadoras de softball da Dakota do Norte se afogaram quando o jipe em que estavam afundou em um lago de apenas 3,5 metros de profundidade. Enquanto suas mortes ainda estavam sendo investigadas, as autoridades disseram que não houve sabotagem; foi simplesmente um trágico acidente. O que me surpreendeu depois de ler a reportagem é a frequência com que esse tipo de acidente acontece. Segundo alguns estudos, acontecem mais de 10 mil acidentes com imersão dos veículos por ano. Algumas pessoas envolvidas nesses acidentes sobrevivem, algumas não. Se você saísse da estrada e caísse dentro de um lago, saberia o que fazer?

Embora todos sejam confiantes de que conseguirão escapar, a realidade dentro de um carro que está afundando é muito mais assustadora do que se imagina. O carro enche de água muito mais rápido do que você pensa, você pode estar de cabeça para baixo, é escuro, você está desorientado e o pânico rapidamente domina. Você precisa saber o que fazer antes de cair na água. Então lembre-se das seguintes dicas.

Como escapar de um carro que está afundando:

Fique o mais calmo possível. Quando se tem litros de água enchendo o seu carro, é difícil não entrar em pânico. Mas quando a diferença entre a vida e a morte se torna uma questão de minutos, ter cabeça é essencial para sobreviver. O pânico é, normalmente, o motivo pelo qual as pessoas se afogam; elas perdem a capacidade de pensar e não sabem o que fazer. As mulheres no acidente da Dakota do Norte chamaram seus amigos pelo celular. Mas pânico=morte. Hiperventilar e gastar sua energia em ações ineficazes acabam com as melhores opções de fuga, desperdiçam oxigênio precioso e encurtam o tempo que você pode segurar o fôlego quando estiver escapando. Concentre-se somente no que você precisa fazer.

Mantenha seu cinto de segurança afivelado. Especialistas concordam que você deve manter o cinto afivelado até o último segundo da escapada. Embora possa parecer pouco intuitivo, isso faz muito sentido. A água estará entrando no seu carro. Se você não estiver ancorado no banco, há uma boa chance de ser afastado da porta ou da janela que servirá como saída. Também é fácil acabar desorientado quando se está flutuando pela cabine do carro, principalmente se o carro estiver capotado. E por último, estar preso ao banco te dá mais suporte para quebrar o vidro.

Não espere a pressão equalizar! Quando seu carro começar a afundar de verdade, a diferença entre a pressão de fora e a de dentro do carro impossibilitam a abertura da porta. Então é comum dizerem que você deve esperar até que o carro encha completamente para que a pressão interna e a externa sejam equalizadas até chegar ao ponto em que você supostamente conseguirá abrir a porta. Mas dois programas de TV testaram essa teoria - Mythbusters e Top Gear - e descobriram que não é bem o que acontece. A pressão interna eventualmente ficará igual à externa, mas isso não acontece no exato instante que o carro enche de água. Pode demorar um pouco mais, tanto que você pode se afogar antes que isso aconteça. Você pode até ser paciente, calmo e conseguir conservar seu oxigênio, mas não conte com isso.

Veja o Top Gear testando essa teoria:

Saia imediatamente pela porta! Sua melhor chance de sobreviver é abrir a porta assim que o carro cair na água. Você conseguirá abrir a porta até o ponto em que a água esteja no nível da sua cintura. Depois disso a pressão da água vai dificultar a abertura da porta. É claro que você pode estar um pouco chocado ou desorientado, afinal, você perdeu o controle do carro e caiu na água, portanto talvez você não consiga abrir a porta antes da pressão da água aumentar. Nesse caso, é preciso um Plano B.

Abra ou quebre a janela. Se você não consegue abrir a porta, a janela é sua melhor chance de escapar. Se o nível da água não passou das janelas, tente baixar os vidros primeiro. Ao contrário da crença popular, os Mythbusters descobriram que vidros elétricos não entram imediatamente em curto-circuito. Mas à medida que o carro afunda, a pressão vai dificultar a abertura. Até no caso de vidros a manivela. Mesmo que você tenha os braços do Popeye, você não vai conseguir superar a pressão da água. Você provavelmente quebrará a manivela.

Se não conseguir abrir a janela, precisará quebrar o vidro. Isso é mais difícil do que você pensa, já que as janelas são feitas de vidro temperado, que é bem forte. Embora o para-brisa seja mais fácil de estilhaçar, eles são feitos para serem inquebráveis e têm uma lâmina plástica que pode deixar você preso no carro. Se você tem feito flexão de braços ou exercícios na barra, deve conseguir quebrar a janela da porta com o cotovelo ou o pulso. Mire o centro da janela. Mas isso é extremamente difícil. A água reduz significativamente a força dos seus movimentos. Os Mythbusters não conseguiram quebrá-la mesmo com um chute de uma bota com salto de metal. Mesmo se você conseguir socar a janela, corre o risco de cortar a mão no vidro quebrado. Lembra do começo de Karatê Kid II, a cena em que o sensei John Kreese dá uns socos em janelas de carros? Então, suas mãos podem ficar daquele jeito. Enrolar algo na mão pode ajudar a evitar os cortes.

Sua melhor opção é ter sempre algum objeto que possa ajudar em situações em que você precisa quebrar o vidro em caso de emergência. O LifeHammer ou o chaveiro ResQMe são duas ferramentas que você deveria considerar ter no carro ou no chaveiro. Ambas têm uma ponta sólida de metal que facilita a quebra de vidros temperados. As duas ferramentas também têm um objeto cortante que consegue rasgar o cinto de segurança caso você não consiga soltá-lo. Mantenha-os em um local de fácil acesso em caso de acidente; você não vai querer se debater até o porta-luvas enquanto o carro enche de água.

Escape pela janela. Se o nível da água estiver abaixo da janela, escapar por ela será muito fácil. Se o nível da água estiver acima da janela, tenha em mente que, assim que quebrar o vidro, você será atingido por um forte fluxo de água. Mesmo assim conseguirá nadar para fora do carro. Veja o Mythbuster "quebrando" a janela e escapando do carro:

Escape pela porta. Se a saída pela janela não rolar, sua última chance é esperar a pressão equalizar. Tente manter-se o mais calmo possível. Não gaste energia nem oxigênio a toa tentando abrir a porta antes do carro esteja completamente cheio. Assim que estiver, espere alguns segundos e então tente abrir a porta.

Nade para a segurança. Empurre o carro e nade para a superfície. Se você estiver desorientado e não souber onde está o lado de cima, olhe para as bolhas e siga a direção para onde estão indo.

O que fazer com os passageiros? Primeiro: não abra a porta para você escapar. Enquanto você sai, o carro enche de água e afundará rapidamente, possivelmente prendendo seus passageiros em uma tumba de água. Em vez disso, tente abrir ou quebrar as janelas. Escapar de um carro que está afundando já é bem difícil se estiver sozinho. E se você tiver passageiros? A primeira ação é manter a calma. Assuma o controle da situação explicando exatamente o que vocês irão fazer. Quando as pessoas veem que há um plano, normalmente se acalmam. Diga a elas para manter o cinto de segurança afivelado até que vocês estejam prontos para escapar. Tente fazer a saída por uma única janela, na frente. Elas são maiores que as janelas traseiras e é mais fácil assegurar que todos saiam do carro se houver somente uma saída.

Esta história foi publicada originalmente no site The Art Of Manliness em 10 de novembro de 2009, e obtida via Jalopnik

3 comentários:

  1. Olá.
    Venho por meio deste convidar-te a participar do 'Top Blog da Semana' do site 'TOP BLOG ws'. PRÊMIO: Espaço de publicidade em um blog de qualidade. Cadastre seu blog e concorra.
    http://videosincriveis.ws/topblog

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Utilizem o extintor para quebrar as janelas.

    ResponderExcluir
  3. uma época nos fizeram comprar um kit de primeiros socorros inútil. Deveria ser obrigatório ter este life hammer ou o tal chaveiro ResQMe.

    ResponderExcluir